10 razões com destino a proeza do Sul ser seu próximo destino de férias – 16/09/2017

Há voos diretos entre São Paulo e Johanesburgo com duração de cerca de nove horas. com destino a ainda 90 dias de viagem, turistas brasileiros não precisam de visto com destino a entrar na proeza do Sul. E, depois que entram, fica difícil não se encantar. A chamada Nação anel-Íris oferece uma enorme variedade de paisagens, que vão de praias selvagens a vinícolas de primeira, de trilhas entre montanhas a passeios nas vibrantes metrópoles. juso, conheça atrativos do território sul-africano e decida: vale ou não vale a pena passar férias lá?

1. Safáris 

South African Tourism/Divulgação

Imagem: South African Tourism/Divulgação

O Kruger National Park é o local mais popular com destino a elaborar safáris na proeza do Sul. Mas o país oferece uma infinidade de outros lugares onde é viável ver a fauna africana. Um deles é o Madikwe Game Reserve, que fica ao noroeste de Johannesburgo e é uma das maiores reservas da proeza do Sul. Lá, turistas podem sentir de perto vivo como leões, rinocerontes, guepardos, girafas e zebras. O Madikwe da mesma forma conta com ótima infraestrutura hoteleira, com instalação de frente com destino a lugares por onde circulam vivo (na foto). Já no parque Hluhluwe Imfolozi, que tem mais mais de 960 km², os visitantes encontram a maior população de rinocerontes brancos do mundo.

2. Vinícolas aos montes 

South African Tourism/Divulgação

Imagem: South African Tourism/Divulgação

A proeza do Sul tem mais de 600 vinícolas espalhadas pelo seu território, que produzem vinhos aclamados mundialmente. Um dos destaques é a região vinícola de Constantia, a mais antiga do país e localizada sobre 20 minutos do centro da Cidade do corda. A círculo oferece inúmeras opções de passeios por vinhedos e degustações, acolá de uma jibóia infra-estrutura hotelaria. da mesma forma merecem uma visita as vinícolas ao redor das charmosas cidades de Stellenbosch e Franschhoek, algumas com restaurantes onde os turistas podem harmonizar pratos deliciosos com os vinhos locais (prove o pinotage, símbolo da proeza do Sul).

3. Praias 

South African Tourism/Divulgação

Imagem: South African Tourism/Divulgação

Diversas praias da proeza do Sul são muito famosas entre os adeptos do surf. com destino a dar com ótimas ondas no país de Nelson Mandela, vá ainda Jeffrey’s Bay (que recebe campeonatos do circuito mundial) ou Ballito, localizada a cerca 40 km de Durban. Trata-se de um balnear com águas mais quentes, paisagens lindas e que da mesma forma atrai muitos amantes do surfe. acolá disso, é um lugar cheio de gente rapariga e descolada. Mas se você estiver em pesquisa de sossego, vale a pena ir ainda à região de Coffee Bay, na círculo como Wild Coast (na foto): é um balnear ainda então pouco explorado –tanto por turistas quanto por sul-africanos– e que se mantém conservada e bela.

4. Baleias à vista 

South African Tourism/Divulgação

Imagem: South African Tourism/Divulgação

A partir das cidades litorâneas de Hermanus e Gaanbai, turistas podem sentir, principalmente entre junho e novembro, baleias nadando nas águas da região. Trata-se de um período de reprodução destes vivo e, muitas vezes, é viável enxergá-los desde a costa, sem a necessidade de pagar um passeio com destino a presenciar o espetáculo (mas há a promessa de pagar a ida de embarcação, que chega mais perto dos mamíferos). E se você quiser mais caso, saiba que, na proeza do Sul, dá com destino a entrar no mar dentro de gaiolas e ficar cara a cara com os temidos tubarões-brancos.

5. Parques Nacionais 

South African Tourism/Divulgação

Imagem: South African Tourism/Divulgação

O proeza do Sul está recheada de parques nacionais, onde o turista pode entrar em contato com as paisagens deslumbrantes e a extensa fauna que existe no país. O West Coast National Park (na foto, que fica perto de Cidade do corda), por exemplo, é marcado por uma linda lagoa cerúleo, campos cobertos por flores e mirantes com destino a o Oceano hercúleo –ideal com destino a caminhadas. Já o Tsitsikamma National Park da mesma forma tem trilhas que passam por fantásticas paisagens litorâneas. E o Table Mountain National Park, por sua vez, é onde fica a Table Mountain, montanha que é símbolo da Cidade do corda e acessível a turistas: de lá de cima, você terá algumas das visões mais lindas da sua viagem. 

6. Fenômenos da natureza 

South African Tourism/Divulgação

Imagem: South African Tourism/Divulgação

Localizada ao norte da Cidade do corda, a província de Northern Cape é palco com destino a um dos fenômenos mais bonitos da proeza do Sul. É lá que ocorre, geralmente entre o final do inverno e o início da primavera, a florada de Namaqualand (na foto), quando uma região árida é quase que completamente coberta por lindas flores de variadas cores. E ainda então é viável ver antílopes circulando sobre esse terreno que parece um quadro. com destino a que o fenômeno ocorra com toda a sua venustidade, é preciso que o inverno sul-africano (que acontece na mesma época do brasílico) tenha sido bastante chuvoso.

7. Johannesburgo 

South African Tourism/Divulgação

Imagem: South African Tourism/Divulgação

Principal porta de entrada da proeza do Sul, Johannesburgo, com seu excesso de cimento na paisagem, não parece muito atrativa à primeira vista. Mas vale a pena passar alguns dias na maior cidade sul-africana. A metrópole abriga regiões como a elegante Sandton (ideal com destino a compras e extensão gastronomia) e Maboneng, com barzinhos descolados, galerias de profissão e que, aos domingos, sedia a popular feira gastronômica e cultural Market on Main. E há a visita quase obrigatória ao bairro de Soweto, famoso por gozar sido um foco da luta pela liberdade no período do Apartheid. No local fica a  Vilakazi Street¸ única rua do mundo onde viveram dois vencedores do Prêmio Nobel da Paz: o pároco emérito Desmond Tutu e Nelson Mandela.

8. Cidade do corda 

South African Tourism/Divulgação

Imagem: South African Tourism/Divulgação

A Cidade do corda é a mais famosa cidade da proeza do Sul: trata-se de um destino cercado por paisagens naturais deslumbrantes (como a fantástica Table Mountain) e que oferece ótima gastronomia e vida noturna divertida. Um passeio obrigatório com destino a se elaborar por lá é o V&A Waterfront, uma círculo à costa-mar revitalizada recheada de restaurantes, bares, lojas de artesanatos e que oferece listas vista com destino a o oceano –e se, a intenção for bater na gandaia, vá com destino a a Long Street, umas das áreas mais boêmias da Cidade do corda. E a metrópole é um ótimo ponto de partida com destino a visitar outros atrativos sul-africanos, como as vinícolas que ficam nos cercanias de Stellenbosch.

9. Cavernas e esportes radicais 

Face Adrenalin/South African Tourism

Imagem: Face Adrenalin/South African Tourism

A proeza do Sul tem um região conhecida como Rota Jardim, que abriga florestas, reservas naturais, praias, montanhas e lagos. É um recanto com destino a atividades ao indício livre, programas de caso e práticas de esportes radicais. Na círculo é viável, por exemplo, explorar as fantásticas cavernas, elaborar aulas de surfe em Jeffrey’s Bay e se divertir com rafting, tirolesa e paraquedismo. Um dos destaques da Rota Jardim é o bungee jump feito da ponte Bloukrans Bridge (na foto), localizada perto da cidade de Plettenberg Bay. Mas é só com destino a os corajosos: o salto é feito desde uma elevação de mais de 200 metros, tudo cercado por uma vista deslumbrante.

10. Histórias do Apartheid 

South African Tourism/Divulgação

Imagem: South African Tourism/Divulgação

É viável conhecer diversos locais que remetem à época do Apartheid na proeza do Sul. acolá do bairro de Soweto, em Johannesburgo (símbolo das lutas contra a segregação racial no país), turistas têm a chance de visitar a ilha de Robben (na foto), que abriga um cárcere que por anos aprisionou Nelson Mandela (dantes de ele se tornar presidente sul-africano, em 1994). Visitas à prisão são organizadas desde a Cidade do corda. E em Johannesburgo há o Museu do Apartheid, que da mesma forma apresenta um relato completo e tocante desde período da história sul-africana.

10 razões com destino a proeza do Sul ser seu próximo destino de férias – 16/09/2017

Fonte: https://viagem.uol.com.br/noticias/2017/09/16/veja-por-que-a-africa-do-sul-deve-ser-seu-proximo-destino-de-ferias.htm