A ONU criticou a força excessiva na revolta da Venezuela em protestos

CARACAS / GENEBRA (Reuters) – As Nações Unidas criticaram a Venezuela na terça-feira pelo uso de força excessiva contra manifestantes anti-governo e disse que forças de segurança e grupos pró-governo Foram acreditados responsáveis ​​pelas mortes de pelo menos 73 manifestantes desde abril.

Fonte