A proibição dos EUA às vendas em a ZTE da China abre novas frentes à medida que aumentam as tensões

LONDRES / NOVA YORK / HONG KONG (Reuters) – Os Estados Unidos proibiram as empresas americanas de venderem peças em a chinesa ZTE por sete anos, um movimento potencialmente devastador em o fabricante de equipamentos de telecomunicações e exacerbação de tensões entre as duas maiores economias do mundo.


A proibição dos EUA às vendas em a ZTE da China abre novas frentes à medida que aumentam as tensões

Fonte