Executivo tudesco em Volkswagen, Japão, preso por suspeita de uso de drogas

TOKYO O executivo sênior do grupo Volkswagen, Japão KK, Thomas Siebert, foi preso por suspeita de usar um Estimulante ilegal, disse a empresa.

Siebert, um tudesco de 53 anos, foi preso na quarta-feira, informou a empresa em um comunicado sem elaborar a droga envolvida.



Fonte