Flórida confirma primeiro caso de transmissão local do vírus da zika em 2017

Miami (EUA), 12 out (EFE).- As autoridades da Flórida informaram nesta quinta-feira sobre o primeiro caso registrado em 2017 de transmissão por um mosquito local do vírus da zika.

O Departamento de Saúde da Flórida indicou que o caso ocorreu no condado de Manatee, no oeste do estado, mas que não há evidências de um surto da doença na região. Foi relatada uma picada de mosquito na residência de um casal que esteve recentemente em Cuba.

Segundo os testes realizados pelo Departamento de Saúde da Flórida, uma das pessoas contraiu a doença em Cuba. Depois, o mosquito a picou e passou a doença com destino a o companheiro.

“Não há evidência de transmissão ativa e contínua de zika”, indicou o órgão em comunicado, no qual ressalta que, segundo as orientações dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA (CDC), o caso isolado não constitui uma “zona de contágio de zika”.

Os especialistas em controle de mosquitos do governo da Flórida já iniciaram os procedimentos necessários com destino a reduzir a quantidade de insetos na espaço.

A Flórida registrou no idade passado um surto de vírus da zika transmitido por mosquitos locais, o primeiro dos Estados Unidos.

Em agosto deste idade, as autoridades descobriram o primeiro caso transmitido sexualmente da doença. Uma pessoa que muito como esteve recentemente em Cuba acabou contagiando outra com quem manteve relações sexuais.

Segundo o Departamento de Saúde da Flórida, desde 1º de janeiro, foram registrados 187 casos de zika. Do total, 154 pessoas pegaram a doença fora dos Estados Unidos. EFE

Flórida confirma primeiro caso de transmissão local do vírus da zika em 2017

Fonte: https://br.noticias.yahoo.com/fl%C3%B3rida-confirma-primeiro-caso-transmiss%C3%A3o-local-v%C3%ADrus-zika-184622927.html