Framboesa de Ouro: 19 filmes “ruins” que bombaram nas bilheterias – 12/08/2017

Nem sempre filmes que vão muito muito nas bilheterias e agradam o assistência são destarte como elogiados entre críticos. Uma equação difícil de se resolver. Algumas dessas produções acabam sendo destaque no Framboesa de Ouro, uma paródia do Oscar que premia os piores filmes e atuações a cada idade.

Entre um “Transformers” e um “Star Wars”, aqui estão 19 longas que conquistaram qualquer prêmio no Framboesa de Ouro e tiveram ótima ucharia nos cinemas.

“Transformers: A Era da Extinção” (2014)

Divulgação

Cena do filme “Transformers: A Era da Extinção” (2014) Imagem: Divulgação

O diretor Michael Bay é rente participante do Framboesa de Ouro. Vários dos filmes do cineasta já foram indicados em alguma categoria da premiação. Com “Transformers: A Era da Extinção” (2014) não foi distinto: no total, sete indicações, incluindo pior filme. Levou os prêmios de pior diretor no sentido de Bay e pior intérprete coadjuvante no sentido de Kelsey Grammer. Nos cinemas, o filme foi um enorme ocorrência, tendo guardado US$ 1,1 bilhão, a maior parte fora dos EUA (US$ 858,6 milhões).

“Star Wars: Episódio I – A intimidação Fantasma” (1999)

Divulgação

Ahmed Best, que dubou a voz de Jar-Jar Binks, levou o prêmio de pior intérprete coadjuvante no Framboesa de Ouro de 2000 Imagem: Divulgação

O filme foi indicado em várias categorias do Framboesa de Ouro de 2000, entre elas a de pior filme, diretor, actor coadjuvante, intérprete coadjuvante e roteiro. Levou o prêmio de pior intérprete coadjuvante com Ahmed Best, que dubou a voz de Jar-Jar Binks. Nos cinemas, “Star Wars: Episódio I – A intimidação Fantasma” (1999) atingiu US$ 1,027 bilhão em ucharia, sendo US$ 474,5 milhões nos EUA.

“Batman vs Superman: A Origem da Justiça” (2016)

Divulgação

Ben Affleck e Henry Cavill em cena de “Batman vs Superman: A Origem da Justiça” (2016) Imagem: Divulgação

Esse filme do diretor Zack Snyder levou os prêmios de pior intérprete coadjuvante (Jesse Eisenberg), roteiro, combo na tela (Ben Affleck e Henry Cavill) e remake/ aclimatação/ sequência no Framboesa de Ouro de 2017. Nos cinemas, “Batman vs Superman: A Origem da Justiça” (2016) alcançou US$ 873,3 milhões em ucharia, sendo US$ 542,9 milhões fora dos EUA.

“Star Wars: Episódio III – A Vingança dos Sith” (2005)

Divulgação

Hayden Christensen em cena de “Star Wars: Episódio III – A Vingança dos Sith” (2005) Imagem: Divulgação

Essa sequência de “Stars Wars” não foi tão mal recebida quanto “Star Wars: Episódio II – ofensiva dos Clones” (2002), mas destarte como foi indicado no Framboesa de Ouro. O longa do diretor George Lucas ganhou a categoria pior intérprete coadjuvante com Hayden Christensen em 2006. Nos cinemas, a produção teve uma ucharia de US$ 848,8 milhões, sendo US$ 380,3 milhões nos EUA.

“Transformers: A Vingança dos Derrotados” (2009)

Divulgação

Shia LaBeouf e Megan Fox em cena de “Transformers: A Vingança dos Derrotados” (2009) Imagem: Divulgação

Dirigido por Michael Bay, essa sequência da saga “Transformers” venceu três categorias do Framboesa de Ouro de 2010. adiante de levar o prêmio de pior diretor, “Transformers: A Vingança dos Derrotados” (2009) venceu como pior filme e roteiro. Apesar das críticas, o longa fez US$ 836,3 milhões em bilheteira, sendo US$ 402,1 milhões no mercado norte-americano.

“A Saga Crepúsculo: 2 – Parte 2” (2012)

Divulgação

Kristen Stewart e Taylor Lautner em cena de “A Saga Crepúsculo: 2 – Parte 2” (2012) Imagem: Divulgação

Esse filme do diretor Bill Condon recebeu nada menos do que 11 indicações no Framboesa de Ouro de 2013. Levou os prêmios de pior filme, actor (Kristen Stewart), intérprete coadjuvante (Taylor Lautner), diretor, elenco, casal e remake/aclimatação ou sequência. Nos cinemas, “A Saga Crepúsculo: 2 – Parte 2” (2012) arrecadou US$ 829,7 milhões, sendo US$ 537,4 milhões fora dos EUA.

“Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal” (2008)

Divulgação

Harrison Ford (centro), Karen Allen e Shia LaBeouf em cena de “Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal” (2008) Imagem: Divulgação

O filme do lumieiro Harrison Ford ganhou o Framboesa de Ouro de pior remake/sequência de 2009. Nos cinemas, não obstante, o filme do cineasta norte-americano Steven Spielberg teve ótima ucharia. “Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal” (2008) atingiu US$ 786,6 milhões no mundo, sendo US$ 317,1 milhões nos EUA.

“A Saga Crepúsculo: Eclipse” (2010)

Divulgação

Taylor Lautner (esq), Kristen Stewart e Robert Pattinson em cena de “A Saga Crepúsculo: Eclipse” (2010) Imagem: Divulgação

Esse filme do diretor David Slade foi indicado na maioria categorias do Framboesa de Ouro de 2011, incluindo pior filme, intérprete, actor e diretor. Acabou vencendo em unicamente uma delas, a de intérprete coadjuvante com Jackson Rathbone, que destarte como foi indicado por seu ocupação em “O Último Mestre do aura”, longa que dominou os prêmios do Framboesa de Ouro em 2011. Nas bilheterias, “A Saga Crepúsculo: Eclipse” arrecadou US$ 698,5 milhões, sendo quase US$ 398 milhões fora dos EUA.

“Star Wars: Episódio II – ofensiva dos Clones” (2002)

Divulgação

Natalie Portman e Hayden Christensen em cena de “Star Wars: Episódio II – ofensiva dos Clones” (2002) Imagem: Divulgação

Os fãs provavelmente não vão concordar, mas “Star Wars: Episódio II – ofensiva dos Clones” (2002) foi um dos piores filmes da saga. Foram sete indicações no Framboesa de Ouro de 2003, incluindo pior filme. O longa de George Lucas faturou os prêmios de pior intérprete coadjuvante (Hayden Christensen) e pior roteiro. Nos cinemas, o filme de George Lucas arrecadou US$ 649,4 milhões, sendo US$ 310,7 milhões nos EUA.

“Cinquenta Tons de Cinza” (2015)

Divulgação

Jamie Dornan e Dakota Johnson em cena no filme “Cinquenta Tons de Cinza” (2015) Imagem: Divulgação

Inspirado no livro da escritora E. L. James, o filme “Cinquenta Tons de Cinza” (2015) não foi muito recebido pela crítica. O longa do diretor Sam Taylor-Wood ganhou cinco categorias do Framboesa de Ouro em 2016: pior filme (dividiu prêmio com “Quarteto Fántastico”), intérprete (Jamie Dornan), actor (Dakota Johnson), roteiro e combo na tela (Jamie Dornan e Dakota Johnson). Nos cinemas, o filme arrecadou US$ 571 milhões, sendo US$ 404,8 milhões fora dos EUA.

“Armageddon” (1998)

Divulgação

Bruce Willis (esq) e Ben Affleck em cena de “Armageddon” (1998) Imagem: Divulgação

Outro filme do diretor Michael Bay, este teve sete indicações no Framboesa de Ouro de 1999, incluindo pior filme, diretor e intérprete. Bruce Willis levou o prêmio de pior intérprete (adiante de “Armageddon”, foi indicado pelas atuações em “Código no sentido de o Inferno” e “Nova York Sitiada”). Nas bilheterias, “Armageddon” não tem do que reclamar. Arrecadou US$ 553,7 milhões, a maior parte fora dos EUA (US$ 352,1 milhões).

“Twister” (1996)

Divulgação

Cena do filme “Twister” (1996) Imagem: Divulgação

Esse filme do diretor Jan DeBont teve duas indicações no Framboesa de Ouro de 1997: pior actor coadjuvante e pior roteiro de filme que arrecadou mais de US$ 100 milhões. “Twister” (1996) ganhou na segunda categoria, já que arrecadou US$ 494,5 milhões nos cinemas pelo mundo, sendo quase a metade unicamente nos EUA (US$ 241,7 milhões).

“As Tartarugas Ninja” (2014)

Divulgação

Esse remake do diretor Jonathan Liebesman recebeu cinco indicações no Framboesa de Ouro de 2015 Imagem: Divulgação

Esse remake do diretor Jonathan Liebesman recebeu cinco indicações no Framboesa de Ouro de 2015, entre elas de pior filme, diretor, actor e remake. A “estatueta” veio com Megan Fox, escolhida a pior actor do idade. Nos cinemas, a produção parece senhorear satisfeito o assistência e arrecadou US$ 493,3 milhões, sendo a maior parte fora dos EUA (US$ 302,1 milhões).

“007 – Um Novo Dia no sentido de Morrer” (2002)

Divulgação

Madonna, de preto, em cena do filme “007 – Um Novo Dia no sentido de Morrer” (2002) Imagem: Divulgação

O filme do causa James Bond, com o intérprete Pierce Brosnan e a actor Halle Berry, teve duas indicações no Framboesa de Ouro de 2003. A cantora Madonna, que fez uma participação na produção, ganhou o Framboesa de Ouro de pior actor coadjuvante. Madonna e Mirwais Ahmadzaï destarte como levaram o prêmio de pior canção original, com a música “Die Another Day”. Nos cinemas, não obstante, “007 – Um Novo Dia no sentido de Morrer” arrecadou US$ 431,97 milhões, a maior parte fora dos EUA (US$ 271 milhões).

“branca de Neve e o predador” (2012)

Divulgação

Kristen Stewart e Chris Hemsworth em cena de “branca de Neve e o predador” (2012) Imagem: Divulgação

Esse longa do diretor Rupert Sanders traz Kristen Stewart no papel de “branca de Neve”, Charlize Theron fazendo a “Rainha Má” e Chris Hemsworth interpretando “O predador”. Kristen acabou levando o prêmio de pior actor no Framboesa de Ouro de 2013 por sua representação em “branca de Neve e o predador” (2012) e destarte como pelo papel em “A Saga Crepúsculo: 2 – Parte 2” (2012). Depois de duas péssimas atuações no mesmo idade, seria difícil não ganhar. Nos cinemas, no entanto, “branca de Neve e o predador” foi muito muito e arrecadou US$ 396,6 milhões (US$ 155,3 milhões nos EUA).

“Robin Hood – O Príncipe dos Ladrões” (1991)

Divulgação

Kevin Costner e Mary Elizabeth Mastrantonio em cena de “Robin Hood – O Príncipe dos Ladrões” (1991) Imagem: Divulgação

A versão de Robin Hood com o intérprete Kevin Costner recebeu duas indicações no Framboesa de Ouro de 1992. A representação de Costner lhe garantiu o prêmio de pior intérprete, enquanto Christian Slater foi indicado a pior intérprete coadjuvante. Certo fez Sean Connery que pediu no sentido de que seu nome não aparecesse nos créditos da produção. Nos cinemas, o desempenho de “Robin Hood – O Príncipe dos Ladrões” (1991) foi misericordioso, com o filme arrecadando US$ 390,5 milhões (US$ 165,5 milhões nos EUA).

“Planeta dos Macacos” (2001)

Divulgação

intérprete Charlton Heston em cena de “Planeta dos Macacos” (2001) Imagem: Divulgação

O remake de 2001 do clássico “Planeta dos Macaco”, dirigido por Tim Burton, recebeu três indicações no Framboesa de Ouro de 2002: pior remake, intérprete coadjuvante e actor coadjuvante. Foram dois prêmios: pior remake e  intérprete coadjuvante (Charlton Heston). Segundo o site “Box Office Mojo”, o longa arrecadou US$ 362,2 milhões nos cinemas, praticamente a metade (US$ 180 milhões) nos EUA.

“Um Tira da Pesada II” (1987)

Divulgação

Eddie Murphy em cena do filme “Um Tira da Pesada II” (1987) Imagem: Divulgação

O longa “Um Tira da Pesada II”, que é estrelado pelo intérprete norte-americano Eddie Murphy, venceu o Framboesa de Ouro de pior canção original em 1988, com “I Want Your Sex”, de George Michael. Segundo o site “Box Office Mojo”, o filme do diretor  Tony Scott arrecadou US$ 299,965 milhões pelo mundo, sendo pouco mais da metade (US$  153,6 milhões) nos cinemas americanos.

“O Paizão” (1999)

Divulgação

Adam Sandler em cena do filme “O Paizão” (1999) Imagem: Divulgação

Filme com o intérprete norte-americano Adam Sandler é difícil cariciar os críticos. E com “O Paizão” (1999) não foi distinto. O longa foi indicado em cinco categorias no Framboesa de Ouro de 2000, incluindo pior filme e diretor. A “estatueta” veio com Adam Sandler, escolhido pior intérprete do idade. Nas bilheterias, não obstante, a produção do diretor Dennis Dugan mostrou que Sandler tem uma legião de fãs, tendo guardado US$ 234,8 milhões, sendo a maioria (US$ 163,5 milhões) no mercado norte-americano.

Framboesa de Ouro: 19 filmes “ruins” que bombaram nas bilheterias – 12/08/2017

Fonte: https://cinema.uol.com.br/noticias/redacao/2017/08/12/veja-19-filmes-premiados-no-framboesa-de-ouro-que-bombaram-nas-bilheterias.htm