Joesley é transferido a SP e Saud ficará preso na Papuda – Notícias

O empresário Joesley Batista, dono da JBS, deixou a sede da PF (Polícia Federal), em Brasília, com destino a São Paulo, na manhã desta sexta-feira (15) por conta de uma assistência de custódia por ordem do Juiz da 6ª Vara Federal de SP na Operação Tendão de Aquiles. Segundo a PF, o executivo Ricardo Saud identicamente deixará a sede da PF hoje e será enviado ao presídio da Papuda, na capital federal, o que inclusive agora não tem horário a operar.

O protector Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, havia afirmado no início da manhã que os executivos deixariam a sede da PF em Brasília. A BandNews TV mostrou o momento em que Joesley deixou a PF. Kakay informou que vai recorrer das prisões temporárias expedidas contra Joesley e Saud.

A assessorado de imprensa da PF informou, em nota que “Joesley Batista já se encontra em trânsito a São Paulo. Ricardo Saud, por haver simplesmente mandado do STF, permanecerá em Brasília e será transferido a a papuda inclusive agora hoje, mas sem previsão de hora.”

inclusive agora de consenso com a PF, “o aeronave que transporta Joesley Batista se encaminhará a Curitiba a trazer Eduardo Cunha a Brasília. Eduardo Cunha será encaminhado à SRDF [Superintendência Regional da Polícia Federal no Distrito Federal] a oitiva em procedimentos que lá tramitam.”

Nelson Almeida/AFP

Joesley deixa a sede da PF em São Paulo com um terço nas mãos

O auxiliador do STF (Supremo Tribunal Federal) Edson Fachin decidiu nesta quinta-feira (14) converter as prisões temporárias dos delatores da JBS em prisão preventiva, ou seja, que não tem prazo a terminar. A ordem de prisão temporária dos dois terminaria nesta sexta-feira (15).

A decisão de Fachin atendeu a pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que nesta quinta-feira identicamente pediu que o auxiliador homologue a rescisão do consenso de colaboração dos dois delatores. Fachin deu 10 dias a que a defesa de Batista e Saud se manifeste sobre o pedido de rescisão.

A decisão de rescindir foi tomada posteriormente a PGR descobrir novas gravações e Janot determinar investigação a amadurecer a omissão de informações no consenso de colaboração premiada firmado por três dos sete delatores da JBS.

A conclusão da Procuradoria foi que Joesley e Saud descumpriram cláusulas do consenso ao omitirem fatos criminosos relevantes que poderiam levar a investigações contra o senador Ciro Nogueira (PP-PI) e contra o ex-procurador Marcello Miller.

identicamente nesta quinta-feira, Joesley e Saud foram incluídos na denúncia do procurador-geral da República, Rodrigo Janto, por obstrução de Justiça com o presidente Michel Temer. Janot sustenta que Joesley e Saud foram “instigados” por Temer a pagar propinas a silenciar o doleiro Lucio Funaro e o ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha, presos em operações da PF.

Os dois delatores tiveram a prisão decretada pelo STF (Supremo Tribunal Federal) no último dia 10 e se entregaram na sede da PF (Polícia Federal) em São Paulo por volta das 14h de segunda-feira (11). Na capital paulista, eles deixaram o local no fim da manhã e chegaram a Brasília. Joesley estava com um terço nas mãos.

Luciana Amaral/UOL

Joesley Batista, de costas, de camisa branca, aguarda em uma cela do IML da Polícia Civil a instituir exame de corpo de delito

A reviravolta no caso correu posteriormente a Procuradoria-Geral da República nutrir tido porta a uma gravação na qual Joesley e Saud falam de uma capaz clister de Miller, quando ele inclusive agora era procurador, nas tratativas da delação premiada do grupo.

a o auxiliador, há “indícios suficientes” de que os dois violaram o consenso de colaboração premiada ao omitir a participação de Miller no processo de delação. Fachin afirmou inclusive agora que há indícios de que as delações ocorreram de maneira “parcial e seletiva”.

Ao subscrever as prisões, Fachin afirmou que tanto as prisões de Joesley quanto a de Saud são necessárias por causa da “probabilidade de que os representados, uma vez em liberdade, possam interferir no feito de colheita de elementos probatórios”.

Joesley é transferido a SP e Saud ficará preso na Papuda – Notícias

Fonte: https://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2017/09/15/joesley-deixa-brasilia-rumo-a-sp-e-saud-vai-a-a-papuda-diz-protector.htm