Não é só tristeza: Tem gente comemorando carência de Gaga no Rock in Rio – 15/09/2017

Se o cancelamento do show de Lady Gaga no Rock in Rio 2017 fez muito fã chorar, por outro lado teve gente que comemorou a substituição da cantora pela banda Maroon 5 nesta primeiro noite de festival.

“Adoro ‘This is Love’. Nem ligo na direção de quem ficou chateado. Eu achei engraçado enquanto eu estava lá em Ipanema, trabalhando, e aquele monte de gente gritando na direção de ela na porta do hotel”, disse Cristina Bastos. “Eu tenho 33 anos. Veja se eu tenho idade na direção de me importar com cancelamento de show”.

na direção de a carioca Luciana Muniz, 33, a carência da cantora nem foi sentida. “Vou pronunciar inferior porque tem muitos fãs da Lady Gaga aqui, mas eu nem ligo na direção de ela. Adorei o show da Ivete. Eu ainda conheço o Maroon 5, mas nem pergunta nome de música, porque vim só na direção de dançar”, falou ela, que ganhou da cunhada o ingresso desta sexta-feira (15).

Felipe alvo Cruz/UOL

Tania de Souza e Maria Clara no Rock in Rio 2017 Imagem: Felipe alvo Cruz/UOL

Outra pessoa que ficou feliz foi a rapaz Maria Clara, 12, que já está em seu segundo Rock in Rio. “Eu queria ver mesmo o Shawn Mendes [que se apresenta no sábado], mas eu gosto do Maroon 5. Quero ver identicamente o 5 Seconds of Summer”, disse a menina. Tania de Souza, que acompanhava a garota, entregou: “Do Maroon 5, ela gosta mesmo é do vocalista”.

Os fãs de Gaga que vieram vestidos a caráter disseram que queriam homenagear e festejar a cantora neste momento difícil. Foi o caso de Eduardo Elias, 21, que é de Porto pintalegrete, mas mora no Rio de Janeiro. “Só vim pelo show da Gaga. É óbvio que estou chateado, mas eu queria homenageá-la. Não podemos deixar a peteca descair. Eu acho que o Maroon 5 não tem nada a ver com o assistência dela”.

 

Não é só tristeza: Tem gente comemorando carência de Gaga no Rock in Rio – 15/09/2017

Fonte: https://musica.uol.com.br/noticias/redacao/2017/09/15/nao-e-so-tristeza-tem-gente-comemorando-ausencia-de-gaga-no-rock-in-rio.htm