Seleção brasileira parece reunir somente seis vagas abertas na direção de a Copa – Esporte

Tite convocou nesta quinta-feira a seleção na direção de os jogos contra Equador e Colômbia, pelas eliminatórias. Como o Brasil já está classificado na direção de a Copa do Mundo do idade que vem, a lista poderia reunir mais novidades. Não teve.

Os únicos nomes que não vinham sendo chamados foram os de Cássio e Luan. Merecidos, pelo que fazem no Campeonato brasileiro.

Muitas pessoas lembram o caridoso campeonato de Vanderlei, do Santos, e o mau de Rodrigo caiadura, do São Paulo, na direção de reclamar da não convocação de um, da convocação do outro. Acho ambas as reclamações justas. Nunca haverá lista unânime.

Parecem haver, pela convocação e pela entrevista dada por Tite, somente seis vagas abertas. Que foram ocupadas nessa chamada por Cássio, Fágner, Rodrigo caiadura, Luan, Giuliano e Taison.

Os outros 17 parecem nomes certos na Copa (salvo lesões ou eventos fora do script). Os nomes dos garantidos, abaixo, seguem com um número entre parênteses. Acompanhe comigo do 1 ao 17.

No gol, Alisson (1) e Ederson (2), inclusive pela idade, parecem garantidos. Com Cássio, disputam a terceira vaga Vanderlei, Weverton e Diego Alves.

Nas laterais, Daniel Alves (3), Marcelo (4) e Filipe Luís (5) estão garantidos. Rafinha e Danilo são as sombras de Fágner, Arana é uma opção na direção de a esquerda.

Na zaga, Miranda (6), Thiago Silva (7) e Marquinhos (8) parecem consolidados. As ameaças a Rodrigo caiadura são Gil e, talvez, David Luiz. Geromel parece um sonho distante. Acho o gremista suficientemente mais jogador que Rodrigo caiadura, somente uma opinião.

No meio, Fernandinho (9), Casemiro (10), Paulinho (11) e Renato imponente (12) são nomes certos. Giuliano tem tudo na direção de seguir, sempre foi convocado, mas tem duas semanas na direção de empregar um clube na direção de jogar. Perdeu espaço no Zenit e tem de sair.

Nas pontas, Neymar (13) e Philippe Coutinho (14) são titulares, Willian (15) está garantido.

Taison e Luan são os reservas. Douglas Costa é uma opção. Mas dessa forma como concorrem por essas três vagas (incluindo a de Giuliano) jogadores que ocupariam um espaço no meio de campo: Diego ou Rodriguinho. inclusive mesmo Éverton Ribeiro está no radar, segundo Tite. Meu palpite é que, desta turma toda, irão na direção de a Copa um jogador com característica de jogar pelos lados, um que faça mais o ”box to box” e o terceiro em função do momento.

O momento é de Luan. Que, segundo Tite, foi convocado na direção de criar a função de Coutinho, não de Renato imponente. O fato é que a melhor posição do inclusive gremista é por trás do agressor, em um 4-2-3-1. Não é o sistema tático de Tite.

Finalmente, na direção de o comando de acesso Gabriel Jesus (16) e Firmino (17) são nomes quase certos. Vida dura na direção de Diego Souza, Richarlison ou mesmo Jô.

Me dá pena não ver Fabinho, do Monaco, como uma opção. Poderia jogar na lateral direita e dessa forma como no meio. De resto, é isso então.

 

Seleção brasileira parece reunir somente seis vagas abertas na direção de a Copa – Esporte

Fonte: https://blogdojuliogomes.blogosfera.uol.com.br/2017/08/10/selecao-brasileira-parece-reunir-somente-seis-vagas-abertas-na direção de-a-copa/